terça-feira, 8 de novembro de 2011

Lagarto

É gente, acho que é só lagarto mesmo, porque ainda não sei como chamar essa receita. Ela é uma das minhas coringas. Adoro, e seguindo essa linha de comidas refrescantes, acho que cai super bem. Até porque é uma carne servida fria, como um antepasto. Mas é beeem gostosa, e é uma dica boa pra festas de fim de ano, principalmente nesse calor terrível de Natal.
Além do mais, é bem prática e exige mais da geladeira do que nós mesmos.
Temperei aproximadamente 1/2 quilo de lagarto, inteiro, com uma cebola roxa, alho triturado, vinagre, folhas de louro, tempero completo e pimenta do reino. Deixei temperada de um dia pro outro, e no dia seguinte apenas refoguei alho e cebola, e deixei a carne selando. Em seguida acrescentei água e deixei cozinhar na pressão, por aproximadamente 30 minutos. O tempo de cozimento varia. E se necessário acrescente um caldo de carne, ou os temperos que ficaram na carne, como eu fiz, apenas tirei as folhas de louro, mas isso é opcional. É interessante amarrar a carne com barbante para que a mesma não encolha.

Como é possível ver na foto, juntei todos os temperos, exceto a cebola e amassei no pilão junto com o alho. É mais prático e agiliza o processo.












Como eu deixei a carne temperada de um dia para o outro na geladeira, coloquei em um saquinho bem fechado, para que a geladeira não ficasse com cheiro forte da cebola e dos outros temperos.









Depois da carne cozida, cortei uma cebola branca, azeitonas descaroçada, um pimentão verde e um vermelho, pequenos (até porque detesto pimentões), e desfiei bem a carne, deixando em pedaços bem pequenos. Misturei todos os ingredientes e acrescentei vinagre meia xícara de vinagre e uma xícara de azeite bem cheia. É importante que o azeite seja usado em abundância, pois ele fará com que a cebola, os pimentões e as azeitonas percam o sabor acentuado para a carne. Fazendo com que os mesmos fiquem bem suaves.

Leve-o a geladeira em uma vasilha bem tampada, e deixe por dois dias ou mais. Quanto mais tempo na geladeira, mais acentuado o sabor da carne. 
Em Carajás, na casa dos meus pais, essa receita chegava a durar quase uma semana na geladeira, fora os dois dias pra apurar o sabor. Já aqui em Natal, dura dois dias no máximo..
E eu posso garantir, quanto mais tempo na geladeira, melhor fica.

Servi num lanche com as amigas em um feriado e foi aprovação total :) Apenas com pão sírio e mais nada. 
Mas pode ser servido também com torradas, pão francês, como desejar. 


Eu diria que a única parte mais complicada dessa receita é desfiar a carne, e só. Praticidade e sabor é o que não faltam nesse lagarto.
:)


**Como na minha família ninguém gosta de pimentão, não costumo usar, mas as pessoas aqui no NE costumam gostar bastante, e como estava fazendo para as amigas daqui, usei. Mas, o pimentão é extremamente OPCIONAL. Caso não queira colocá-lo, você pode substituir por tomate seco, alcaparras, enfim, pelo ingrediente que preferir.

3 comentários:

  1. Oi Janaina,
    QUe delícia essa carninha.Vou levando a receita.
    Bj,
    Lylia

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir